Fiscalização da Zona Azul vai mudar em dezembro

O sistema de fiscalização da Zona Azul de Arcoverde vai mudar. Atualmente, as monitoras fazem a fiscalização manual, mas com a implantação do novo sistema cada uma delas vai passar a usar um PDA (um smartphone que tem o software eBooklet, para aplicação e fiscalização do trânsito).
A partir do dia primeiro de dezembro, as monitoras passarão a usar o aparelho, onde serão digitadas as placas dos veículos e o sistema vai mostrando se o carro está regular ou não. Se até dez minutos de estacionamento, o dono do carro não providenciar o ticket ou se o ticket que estiver no painel do carro estiver com o horário vencido, a monitora pode aplicar o aviso de irregularidade que é imediatamente transmitido para o Detran, onde será homologado. O aviso segue com fotos e todas as informações necessárias. Depois disso, o usuário tem até três dias úteis para regularizar sua situação com as monitoras da zona azul ou no autoatendimento do parquímetro, que oferece a opção regularizar.
Caso o parquímetro esteja muito distante, o usuário pode contar com a ajuda das monitoras que poderão emitir um ticket para 30 minutos com a ajuda do PDA. Neste caso, serão digitados a placa, o horário e o valor pago. Este ticket terá que ser deixado no painel do carro, como é usado atualmente.
Este novo sistema atende plenamente a todos os itens exigidos nas portarias do Denatran números 50/2007; 141/2010 e 1279/2010 e a resolução do Contran número 390/2011.

Deixe seus comentários