Casa 60+ realizou Café em Prosa em homenagem ao Coco Trupé de Arcoverde

A Secretaria Municipal de Assistência Social, através da Casa 60+, homenageou na quinta-feira, dia 2 de maio, a trajetória de dez anos do Samba de Coco Trupé de Arcoverde, comandado pelo Mestre Cícero Gomes. O Café e Prosa recebeu os idosos do serviço de convivência e fortalecimento de vínculos com o Samba de Coco a caráter, cantando sucessos do grupo como ‘A vida tava tão boa’.

“O Samba de Coco Trupé de Arcoverde nasceu no dia 02 de maio de 2019 e justamente hoje eu venho aqui contar a nossa história e receber uma homenagem dessas. O coração da gente fica que não cabe de alegria”, destacou o Mestre Cicero Gomes.

A Casa 60+ recepcionou o grupo com uma faixa parabenizando pelos 10 anos, uma exposição na parede com imagens da carreira do grupo, muita alegria e um café da manhã. Após a explanação sobre a história do grupo, a festa terminou na Estação da Cultura com muito samba de coco no pé.

“O Mestre Ciço Gomes é um patrimônio do samba de coco de Arcoverde. Ficamos muito felizes em poder realizar esse momento de tanta alegria para o senhor e para o nosso grupo da Casa 60+. A sua arte nos enche de alegria. Que sejam os dez primeiros anos de muitos outros”, disse a Secretária de Assistência Social de Arcoverde, Patrícia Padilha.

A programação de aniversário do Samba de Coco Trupé de Arcoverde ainda contará com o Projeto Café em Cena, que acontece no sábado, dia 04 de maio, às 8h30, e a tradicional Sambada que terá nomes como Samba de Coco Raízes de Arcoverde, Samba de Coco das Irmãs Lopes, Coco Pisada Segura, Zé do Peba, Banda de Pífanos São Sebastião, O Mago, Cultura Urbana e muito mais.

Fotos: Amannda Oliveira

Deixe seus comentários